Quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Facebook Twitter Instagram

<< Voltar

Conta de luz ficará 5% mais cara a partir de 2017

Publicado em 13.10.2016 10:06

As contas de energia elétrica dos brasileiros ficarão 5% mais caras a partir do ano que vem. O motivo é o atraso no pagamento de indenizações bilionárias devidas às transmissoras de energia elétrica, por parte do governo. A alta de 5% deverá durar ao menos oito anos.

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), vai abrir audiência pública para discutir a melhor forma de remunerar as concessionárias por uma dívida que deveria ter começado a ser paga em 2013. Por uma decisão política do governo da ex-presidente Dilma Rousseff, esse efeito só deve entrar na tarifa em julho de 2017.

A decisão diz respeito a investimentos realizados por transmissoras antes de maio de 2000 pela CEEE, Celg-GT, Cemig-GT, Copel-GT, CTEEP, além de Eletronorte, Eletrosul, Furnas e Chesf, do grupo Eletrobras, o que abrange boa parte do Brasil e inclusive Passo Fundo, que tem a CEEE como fornecedora de energia para a RGE.

O aumento para uma tarifa de uso do sistema de transmissão, cobrada aos consumidores da alta tensão, como as indústrias,  será superior a 200%. Esta tarifa, porém, não é o valor total a ser pago, mas apenas um componente da conta final.

Os custos da energia elétrica são calculados no preço de diversos produtos finais na prateleira do consumidor, sendo que, se a energia aumenta, a industria aumenta também os preços dos produtos.

 

Relacionado

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site ou de seus editores.