Sábado, 21 de outubro de 2017

Facebook Twitter Instagram

<< Voltar

Goleira da AMF integrará time gaúcho na Taça Brasil de Futsal Feminino

Publicado em 14.09.2017 8:43

Com poucos meses de existência, a equipe feminina da AMF – Associação Marauense de Futsal já colhe frutos do seu trabalho e leva o nome de Marau a nível estadual e nacional como berço de atletas promissoras. Neste domingo (17), a goleira marauense Nathalia Ribarczk embarca até Uruguaiana, onde se junta à equipe do Celemaster para a disputa da Taça Brasil.
A competição é o maior evento esportivo nacional de futsal feminino. A disputa acontece em Contagem, Minas Gerais, de 24 de setembro a 1º de outubro e, antes disso, ela realiza uma semana de preparação em Uruguaiana. O time representará o Rio Grande do Sul no campeonato, uma vez que foi vice-campeão do Estadual Feminino do ano passado e houve desistência da campeã MGA Games, de Caxias do Sul.

Com apenas 17 anos, Nathalia conta que o convite a pegou de surpresa, através de uma ligação no meio de uma aula. “Levei um susto, foi bem emocionante, comecei a chorar”. Ela resume o convite como um sonho realizado, uma vez que ainda no início da temporada precisou conviver com muitas críticas: “falavam que eu era muito nova, que não teria capacidade de jogar um campeonato oficial, como o Estadual Adulto”.  Além disso, ela agradeceu, primeiramente, à mãe Cristiana Ribarczk que sempre a apoiou para seguir seu sonho no esporte, à AMF pela oportunidade de mostrar seu futsal e também à Celemaster pelo convite, já que a experiência a fará voltar para Marau com mais experiência e uma grande bagagem após a competição.

De acordo com o técnico da Celemaster, André Malfussi, a goleira marauense foi lembrada após ter se destacado em ambas as partidas da AMF contra a equipe uruguaianense, em Itaqui e Marau. “No primeiro jogo ela se destacou e, na segunda partida, chamou a atenção novamente. Ela é uma goleira jovem, fez grandes partidas e tem muito potencial. Nathalia tem um grande futuro pela frente e a Celemaster que dar essa oportunidade”, destacou.

A história de Nathalia Ribarczk e seu amor pelo esporte se confundem. “Desde que me conheço por gente eu estou com a bola dos pés”, brinca. No futsal amador, ela iniciou há três anos, com apenas 14 anos de idade, na formação de uma equipe na cidade. Na época, ela iniciou atuando como fixa, porém, com a separação do time, por ser a mais nova, acabou indo para o gol. “Foi nessa mudança que eu me descobri na posição que queria jogar”, explicou.  Assim, desde o início do ano, com a constituição da equipe feminina da AMFa atleta aceitou o convite da direção e assumiu a titularidade no gol – posição que a fez se destacar no Campeonato Estadual Feminino Adulto.

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site ou de seus editores.