Quinta-feira, 21 de junho de 2018

Facebook Twitter Instagram

<< Voltar

CPERS projeta ano de dificuldades e mais falta de professores no Estado

Publicado em 27.01.2016 8:53

aukas

O ano de 2016 deve ser de dificuldades para a educação Estadual, pelo menos é o que projeta o CPERS de Passo Fundo. A categoria, que historicamente vem lutando por mudanças de salários, jornadas e outras reivindicações, já tem três dias de atos programados: 15, 16 e 17 de março, além de uma assembleia geral no dia 18 de março.

O presidente do 7º Núcleo do CPERS de Passo Fundo, professor Orlando Marcelino, explicou que o quadro pode se agravar por dois fatores: aposentadorias, por quem poderia continuar lecionando, e também desistências da profissão, ambas causadas pelos baixos salários e alta jornada de trabalho.

O professor explicou que o diálogo será sempre o caminho escolhido pelos profissionais em busca de mais valorização, mas é preciso que o governo faça propostas reais e satisfatórias.

*Informações da Rádio Uirapuru

 

Relacionado

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site ou de seus editores.