Terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Facebook Twitter Instagram

Bem-vindo ao Portal de Coxilha

Sobre a cidade

O município possui este nome tipicamente gaúcho, “Coxilha”, por estar localizado em uma região que apresenta as mais altas elevações do planalto rio-grandense. Essas contínuas elevações, arredondadas, foram escolhidas pelos primeiros moradores para a construção de suas casas. Desta forma, sentiam-se protegidos dos ataques dos índios Coroados (agressivos e predominantes na região). A localidade, por essa razão, ficou conhecida como região das fazendas das coxilhas.

Por volta de 1840, Francisco de Barros Miranda e Manoel de Souza trouxeram gado manso, instalando os seus campos de pastoreio no alto das coxilhas existentes, ficando o lugar conhecido como Fazenda das Coxilhas. Os primeiros moradores de Coxilha foram as famílias Miranda, Oliveira Cardoso, Teixeira, Leite e Vieira e Souza.

Com a implantação da Estrada de Ferro, cuja obra foi iniciada em 1905 e concluída em 1911, começou a se destacar a exploração, a industrialização e a comercialização da madeira, especialmente do pinheiro araucária.  Entre 1910 e 1950 ocorreu a fase áurea da madeira, com a exploração do pinheiro brasileiro para exportação, e com a mata nativa como instrumento de alimentação das locomotivas da Viação Férrea e dos locomóveis das serrarias. Durante as décadas de 30 e 40 Coxilha foi o maior pólo de exportação de madeira, com diversas fábricas de caixas, aplainados e aduelas.

Com a mecanização das lavouras de trigo Coxilha destacou-se como grande produtor desta cultura, até meados da década de 60. A partir de 1970 a cultura de soja teve grande expansão pelo incremento da exportação e pelos bons preços  alcançados por este grão no mercado externo. Nos meados da década de 80 a cultura de trigo teve novo incremento em função da alta tecnologia empregada pelos agricultores, o que possibilitou elevada produtividade. Das seis maiores produtividades nacionais, quatro foram obtidas por agricultores de Coxilha.

Na década de 90, formou-se a Comissão de Emancipação de Coxilha, vindo o trabalho desta ser consagrado no plebiscito de emancipação no dia 10 de novembro de 1991, posteriormente sancionada a Lei de Criação do Município no dia 20 de março de 1992, sendo este o dia da Fundação do Município.

Dados Gerais  

Coxilha está localizada ao Norte do Rio Grande do Sul, no Planalto Médio, com altitude média de 721m. A posição em sua latitude é de 28°07’38”, longitude de 52° 17′ 46”. (IBGE)  Sua extensão geográfica é de 422,79 Km².  A área do perímetro urbano é de 5,3 Km² e o perímetro rural é de 417,03 Km². A distância da capital é de aproximadamente 320 Km, com uma população de 2.826 habitantes (conforme Censo 2010).

Coxilha limita-se com os seguintes municípios:
Norte: Sertão
Sul: Passo fundo
Leste: Vila Lângaro e Mato Castelhano
Oeste: Pontão e Passo Fundo

  O sistema rodoviário do município de Coxilha é constituído por estradas estaduais.
RS 135 que liga Coxilha a Norte, com Sertão, Getúlio Vargas e Erechim; ao Sul com Passo Fundo.
RS 463 que liga Coxilha a Leste com Vila Lângaro, Água Santa e Tapejara.
RS 153 Transbrasiliana que liga Coxilha ao Norte com Erechim e ao Sul com Passo Fundo.